Viagem

dicas e destinos de viagem | Las Vegas

Olá, gente!

Então… seguindo o que prometi pra mim em 2015 (cuidar mais das minhas fotos pra mim), consegui parar e editar as fotos da última viagem que eu fiz com Alexandre em novembro do ano passado. Destino: LAS VEGAS!

Nunca sonhei ir para Las Vegas. Na minha lista de destinos para conhecer, essa cidade nem está presente! Mas no meio do ano passado, enquanto pesquisava opções para o Reveillon, me dei de cara com Las Vegas em muitos posts, indicações, e etc etc. Numa breve pesquisa vi o quanto era barato e o quanto poderia ser divertido visitar essa cidade louca, não no reveillon, porque estaria muito frio e eu não viajo mais para lugares frios nem morta (assunto pra outro post), mas em outra época do ano, porque não? Eu não tinha planos de viajar em novembro para fora do país, pensava em fazer uma viagem romântica no dia do meu aniversário, e só. Então…. mudei os planos e fechamos Vegas! Eu tinha certeza que poderia ser super divertido.

PARTO_ARTHUR_01_0008PARTO_ARTHUR_01_0750

Ficamos muito em dúvida se alugaríamos um carro ou não. Muitos amigos diziam que não precisava. Muitos outros diziam o oposto. Como eu planejava ir ao Canyon, alugamos e não me arrependi. Portanto a minha dica é: alugue! Mesmo podendo andar a pé e os hotéis serem próximos, não são tão próximos assim. Dependendo de onde se hospedar, é um bom caminho que se anda. Nós fizemos muitas coisas a pé, mas o carro foi importantíssimo pra gente poder explorar melhor a cidade. Além disso, todos os estacionamentos, de todos os hotéis, são GRATUITOS.

Um dos lugares distantes que visitamos, por exemplo, foi o Museu Neon. Essa foi uma super boa dica que o meu irmão me passou pelo whatsapp quando eu já estava lá. Como eu não estava com um roteiro milimetricamente planejado, então um dia acordamos e fomos. Com GPS tudo é muito tranquilo de se achar em Las Vegas. Não tivemos nenhum problema em deslocamentos.

O Museu Neon é uma organização sem fins lucrativos que se dedica a preservar os antigos e emblemáticos letreiros de Las Vegas. A visita é exclusivamente guiada e dura mais ou menos 1 hora. O guia conta diversas histórias sobre a cidade e sobre os letreiros. É MUITO legal. A gente foi sem esperar muito, e gostamos bastante. Outra coisa interessante é que eles fazem reservas para sessões de fotos. Fica a dica de locação para os fotógrafos que viajam e abrem agenda de ensaios em suas viagens.

PARTO_ARTHUR_01_0619 PARTO_ARTHUR_01_0530 PARTO_ARTHUR_01_0615 PARTO_ARTHUR_01_0595 PARTO_ARTHUR_01_0605 PARTO_ARTHUR_01_0538 PARTO_ARTHUR_01_0554 PARTO_ARTHUR_01_0561 PARTO_ARTHUR_01_0565 PARTO_ARTHUR_01_0568 PARTO_ARTHUR_01_0612 PARTO_ARTHUR_01_0570 PARTO_ARTHUR_01_0609

Passeio IMPERDÍVEL é o Grand Canyon! Não pode deixar de ir nesse lugar em hipótese nenhuma! Ao mesmo tempo que dá um pavor de caminhar por ali, sem segurança nenhuma, a sensação é incrível! Fomos de carro e antes paramos na represa Hoover Dam, que é uma monstruosidade magnífica. Fico boba de ver o quanto somos capazes de construir. O interessante é que ela fica bem na divisa do Arizona com Nevada, e a hora muda. A gente até se perde no tempo.  Mas…. como não tínhamos hora para nada mesmo…. 🙂

PARTO_ARTHUR_01_0270 PARTO_ARTHUR_01_0275 PARTO_ARTHUR_01_0219 PARTO_ARTHUR_01_0224 PARTO_ARTHUR_01_0244

Fomos ao Grand Canyon West, que é a parte mais próxima de Las Vegas, umas 2 horas de carro. Saímos de manhã cedinho e fomos. Deixamos para comprar o ticket lá mesmo. Não tinha fila, nem nada. Compramos o kit ingressos + alimentação, que dava direito a comer em um dos pontos do passeio. É assim: você chega, pára o carro no estacionamento, compra o ticket, e aí pode circular nos ônibus do parque parando nos 3 pontos disponíveis. O Hualapai Ranch, que é só uma cidadezinha cenográfica com personagens imitando os filmes de Faroeste; o Eagle Point, que é onde tem o skywalk, uma plataforma de vidro suspensa pra você caminhar com a sensação de estar flutuando no Canyon – achei sem graça SÓ PORQUE não pode tirar foto – e tem o Guano Point, mais um ponto pra morrer do coração com as alturas. 🙂

PARTO_ARTHUR_01_0303 PARTO_ARTHUR_01_0311 PARTO_ARTHUR_01_0315PARTO_ARTHUR_01_0324 PARTO_ARTHUR_01_0332 PARTO_ARTHUR_01_0364PB PARTO_ARTHUR_01_0386 PARTO_ARTHUR_01_0383 PARTO_ARTHUR_01_0329PARTO_ARTHUR_01_0389 PARTO_ARTHUR_01_0400 PARTO_ARTHUR_01_0434

Voltamos do Arizona a noitinha, tivemos paisagens maravilhosas!

Sobre os shows não tenho muito o que dizer. A minha vontade era ir no Santana, no Kiss, nos Beatles… em vários outros, mas fui só no Soleil do Michael Jackson mesmo. Com o dólar subindo sem parar e cada show a $300, achamos que seria um gasto pra lá de desnecessário naquele momento. Fica pra próxima.

Casinos…. acho que fui em todos, pelo menos os mais turísticos… jogamos um pouquinho, perdemos um pouquinho de dinheiro e mesmo assim rimos bastante! Chega uma hora que você não aguenta mais ver casino! Foi aí que saímos pela cidade explorando caminhos até a Palomino e o Museu Neon. 🙂

O mais chique: Wynn (as garçonetes nem usam saia curta como nos outros)

O mais cheio de gandaia: Planet Hollywood (mulheres ficam dançando nas mesas)

Pode cortar da lista: Flamingos

Não deixe de ir: Circus Circus, SÓ para andar na montanha russa. (a gente adora!)

PARTO_ARTHUR_03_0992PARTO_ARTHUR_01_0685 PARTO_ARTHUR_01_0684 PARTO_ARTHUR_01_0693PARTO_ARTHUR_01_0622 PARTO_ARTHUR_01_0737PARTO_ARTHUR_01_0517PARTO_ARTHUR_01_0512PARTO_ARTHUR_01_0014PARTO_ARTHUR_01_0128 PARTO_ARTHUR_01_0123 PARTO_ARTHUR_01_0075PB PARTO_ARTHUR_01_0035

Fomos também ao Museu da Polaroid. Fiquei um pouco decepcionada. Esperava encontrar mais coisas interessantes, mais bugigangas, mais fotos bacanas na exposição. Mas não. Tinha poucas fotos interessantes, muita bajulação para Andy Wharhol e só. A lojinha tinha tudo ou menos do que já conhecíamos na Urban Outfitters. Nada novo. Nada interessante.

PARTO_ARTHUR_03_1056 PARTO_ARTHUR_03_1058 PARTO_ARTHUR_03_1069 PARTO_ARTHUR_03_1075

Para quem é fã da história do Titanic como eu (mesmo muito antes do filme, eu já estudava tudo a respeito) NÃO PODE PERDER a mostra que está no Hotel Luxor! Eles construíram uma verdadeira réplica do interior do navio, parece que estamos exatamente dentro dele. Começamos passando pela terceira classe, onde há todo um cenário montado mostrando exatamente como eram as camas, o espaço, os cobertores… Vimos um cenário de cada classe. Passamos pela grande escadaria e vamos até o convés. Durante toda a caminhada você vê objetos que foram resgatados, muitos INTACTOS! Havia inclusive algumas garrafas de champagne fechadas! Muitas jóias, louças e pertences pessoais. A exposição chega até o ponto do acidente, quando entramos numa sala super gelada e sentimos o frio que estava naquela noite. Há um imenso iceberg na sala, onde é possível tocá-lo. Depois passamos para uma outra sala enorme e há um pedaço monstruoso do casco do navio e um video mostrando o resgate daquela “peça”. A gente olha aquilo ali com uma atenção perturbadora, dei a volta, olhei a frente, atrás, os tamanhos dos rebites, a grossura do casco, MY GOD! É assustador imaginar a violência da batida para causar todo aquele estrago.

PARTO_ARTHUR_03_1013 PARTO_ARTHUR_03_1008

Acho que todos concordam o QUÃO CAFONA é essa cidade. Tudo é fake! Os shoppings toooooooooooodos possuem tetos pintados de céu! Dá nervoso. As decorações de natal eram pavorosas. Cheias de pavões carnavalescos. Se não tinha pavão, tinha qualquer outro tem carnavalesco. Era muito esquisito! Tem que visitar a cidade com esses espírito louco pra sorrir. Tem muita coisa divertida. Muitos restaurantes, lojinhas bacanas… a loja dos Beatles no Hotel Mirage é maravilhosa! Ah… e tem a Fremont Street, um lugar que foi super indicado, mas não curtimos muito.

PARTO_ARTHUR_01_0450 PARTO_ARTHUR_01_0455

PARTO_ARTHUR_01_0676 PARTO_ARTHUR_01_0669PARTO_ARTHUR_01_0657 PARTO_ARTHUR_03_0967 PARTO_ARTHUR_03_0943 PARTO_ARTHUR_03_0952 PARTO_ARTHUR_01_0718PARTO_ARTHUR_01_0157PARTO_ARTHUR_01_0146 PARTO_ARTHUR_01_0165

E no último dia fomos tirar a tradicional foto na entrada da cidade. Essa placa fica um pouco longe, bem no meio de um canteiro. Mas há um pequeno recuo para estacionar o carro. Uma pequena fila se forma, mas é tudo muito rápido. Tinha uma menina se oferecendo para tirar fotos por 1 dólar e isso agilizava o processo. PARTO_ARTHUR_01_0653PARTO_ARTHUR_01_0652

Ahhhhhh acabou! Que peninha…. foi tão divertido! 😀

Comente com Facebook

Comentários

0 Comentários
Compartilhar

Deixe um comentário

Your email address will not be published. Required fields are marked*

Fale comigo agora!